Páginas

quinta-feira, 6 de março de 2014

[Saia da turbulência]


Em meio a tantas informações, imprevistos, notícias empurradas goela abaixo pela mídia e sem falar dos nossos conflitos pessoais, às vezes nos sentimos sufocados.
Em alguns momentos acontece conosco uma mutação de personalidade e tratamos de forma indevida quem amamos ou deixamos de dar valor a momentos simples que nos fariam tão felizes, se vividos com intensidade!
Já se sentiu como uma guarda-roupa desarrumado? Demorando a encontrar virtudes outrora tão presentes em seu comportamento e atitudes.
O que fazer quando os pensamentos parecem um labirinto e as tomadas de decisões parecem retardadas por dúvidas e medos?
O que fazer quando falta energia para executar todos os planos descritos no papel ou até mesmo para escrever tais planos?
P.A.R.E!!!!!
Você precisa de um tempo para ficar sozinho. Duas ou três horas se possível.
Talvez no final da tarde ir ao mar ou ao lago... ouvir o som do nada ou apenas a batida do seu coração. Na falta de tais lugares, um banho frio demorado, deixando a água cair por um tempo e simplesmente respirar.
Esse momento é importante para sair da turbulência!
Pare um pouco e amplie a conexão com a parte Divina que mora em você (acredite, todos temos esse recurso).
Se quiser chorar... chore! Mas é importante que haja perdão! Perdoe a si pelo que não conquistou ou pelo que fez! Perdoe pessoas ... todas as pessoas e isso te fará muito bem!
Sair da turbulência significa deixar coisas para trás. Mágoas, prepotência, orgulho... Somos os cocriadores dos nossos fardos e precisamos de nos livrar de tais coisas! Depende só de nós mesmos.
Tire um dia para ser criança e fazer coisas que te fazem sorrir e resgatar a pureza. Além de se sentir mais jovem, as pessoas ao redor vão te agradecer por isso.
Fale para seus pais que os ama e se moraram longe, mande uma carta a punho dizendo isso! Vão amar!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Não seja exigente demais com as pessoas... cada um tem um ritmo de amadurecimento...
Quando alguém apontar seus erros, sorria e agradeça! Seus inimigos de verdade não falariam isso. Simplesmente te deixariam no erro... afundando e afundando.
Leia esse texto varias vezes e compartilhe!
E se quiser falar comigo, mande sobre como o coaching pode te ajudar a sair da turbulência envie um e-mail para contato@lucianapalestrante.com.br
Muita luz
Luh Oliveira

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Com quem devemos nos associar?

Com quem devemos nos associar? 

Quando planejar a realização das suas metas, não se esqueça de escolher muito bem quais vão ser as pessoas que estarão do seu lado na jornada.

Pois isso dará um sabor diferente a cada conquista ou poderá sabotar o brilho da sua realização! 

Quais são as 5, 6, 7 ou 8 pessoas mais próximas de você nesse momento? Que tipo de energia ou influência elas exercem sobre você?

Quem você realmente quer como aliado em 2014?

Vejo que muitas propostas de "amizades" e parcerias funcionam de forma unilateral, onde apenas uma se vê na condição de ser o beneficiado.

Napoleon Hill já falava sobre isso há muitos anos atrás. Pessoas bem sucedidas fogem desse tipo de condição e procuram se associar com pessoas que podem sim oferecer relações bilaterais.

Mais uma vez escrevo sobre isso e a cada dia com mais propriedade! Com quem você está se associando? A relação é do tipo sangue-suga, impedem seu crescimento, exigem que você doe, mas não pensar na contra-partida, falta o respeito com os seus valores e ética? Qual é o motivo para se manter num relacionamento como esse?

Caridade e solidariedade talvez seja um bom motivo de ainda manter esse tipo de vínculo e acredito que todos nós devemos praticar de forma pontual. Mas insistir em infiltrar tais influencias para sua vida pessoal e profissional podem atrapalhar sobremaneira seu desenvolvimento.

#pararefletir #saidemimfardo #problematofora

Alguém para confiar

Nem são 06 da manhã e já abri a janela para ver a fidelidade do sol. Sim, com certeza ela vai ser a minha vista em breve. 

Pensei logo na confiabilidade da natureza. Pensei como seria ruim achar que o sol poderia nunca mais voltar... Tudo que sei é que mesmo em meia as nuvens e rotação da terra, ele está ali cumprindo o seu papel de enviar seus raios de luz.

Isso me fez refletir na confiabilidade das pessoas. Hoje em dia é tão raro ter alguém em que se possa confiar de verdade.

Não estou falando em exigir perfeição do próximo. Mas saber que os valores bons e puros estarão acima do ego e da vaidade independente de qualquer situação.

Então me fiz a pergunta...
Será que sou alguém em que as pessoas possam confiar, tanto no aspecto pessoal ou profissional? A reposta felizmente foi positiva, pois sei q sou fiel ao que me proponho a ser e fazer em relação a terceiros.

Mas logo pensei, será que posso confiar em mim? Sou fiel a que proponho a fazer comigo? Confesso que confiar mais em Deus tem me ajudado na autoconfiança e o processo de coaching também tem sido um instrumento para que eu venha realizar meus desafios e cumprir o que prometi a mim. Mas posso e vou melhorar mais ainda nisso.

E você é o tipo de pessoa em que podemos confiar? Em meio as dificuldades seus valores são corrompidos? Você cumpri o que promete a si mesmo?

#pararefletir

Forte abraço

Uma questão de escolha

Gostaria de compartilhar um dos meus primeiros pensamentos hoje.
Ontem ouvi algumas frases:
- "Luh você é forte". Alessandra Paula
- "Te via de forma técnica e não o lado humano." Denise Oliveira
- "Você é uma pessoa que tem a estratégia para fazer acontecer." Patrícia Carvalho

Em primeiro lugar gostaria de agradecer todas essas pessoas, pois devido a cada uma delas hoje posso escrever sobre isso hoje. E também agradecer minha querida amiga Rose Botrel de Souza, pelos momentos de reflexão sobre o assunto.

Porém gostaria de esclarecer algumas coisas e talvez contribuir com a minha experiência.

*Acreditem, se hoje eu sou forte é porque um dia eu conheci a fraqueza.
* Hoje sou espontânea e falo em público, mas já fui tímida e calada.
* Se hoje eu sorrio, acreditem, já chorei muito.
* Toda minha coragem em fazer certas coisas veio posterior aos medos.
* Se hoje sou estratégica, pois já sei muito bem o que é ficar perdida em meio aos conflitos.
* Minha assertividade em tomar decisões nasceu quando em meio as dúvidas estabeleci de forma clara, minha missão, visão e valores.
* Se hoje sou estratégica, pois já sei muito bem o que é ficar perdida em meio aos conflitos.

Estou em um processo de construção, sou também um ser humano, com sentimentos, desejos, passo por decepções e tem coisas que me incomodam.

Porém entendi que o autoconhecimento é muito importante, pois é preciso reconhecer o nosso lado sombra e não tentar a todo custo fugir dele. É importante acolher esse lado frágil, saber o que tem causado e posteriormente decidir se vai carregar isso ou não.

É como se todos nós fossemos uma moeda e a cara e a coroa fazem parte dela. Assim todos temos a coragem e o medo, a força e a fraqueza, o amor e o ódio.

Então a diferença entre pessoas e pessoas consiste nas escolhas de cada uma.

Forte abraço

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

Foco certo


Hoje em dia ao assistirmos TV, ao ouvirmos os escândalos sobre religiões e a maldade do homem, muita das vez ocultamos a existência de um Criador. Porém quando mudamos o foco e tiramos os olhos do livre arbítrio alheio, podemos ter certeza que existe algo de bom e superior a nós, algo que nos impulsiona a sorrir e honestamente fazer a nossa parte!

Quando somos pequenos nossos país não respondem todas as perguntas que fazemos, por julgarem não ser o tempo oportuno e por nos amar demais...
Talvez não  tenhamos de Deus todas as respostas, mas não podemos negar a existência desse amor.

Não deixe o que o mau uso  livre arbítrio de terceiros influencie sua maneira de ser e crer!

Forte abraço,

[Pergunte]

[Pergunte]

Quando estudamos, passamos por momentos de tédio em diversas matérias. Onde o professor fala, fala e  fala. Porém algumas aulas são diferentes, o mestre incentiva os questionamentos e cria-se uma diálogo aberto sobre o assunto.
Em muitas situações ficamos tímidos no que tange a questionar, a fazer perguntas e  encaramos a vida como mero observadores , tornando-a assim um tédio.
Questionar não significa passar por cima de autoridade e nem agir de modo agressivo, porém trata-se de querer entender melhor certos contextos e dar sentido a nossa imersão neles.
É obvio que tem mistérios nessa vida que nem os mais sábios tem respostas e não devemos pirar com isso, mas entender como melhor viver mediante a essas situações.

Na dúvida pergunte, se for interrogado esclareça...

Forte abraço

Influenciador ou influenciado?

"Quem são as 8 pessoas do nosso maior convívio? Entre familiares, colegas de trabalho, amigos, vizinhos e outros?

Nesse meio ora somos influenciadores, ora influenciados. O fato é que absorvemos características dessas pessoas, mais do que imaginamos. Quanto aos pais, além da convivência temos também a questão genética que dá um reflexo imenso, na nossa forma de ser e agir.

Portanto é momento de pensar profundamente sobre isso:
- Como estamos influenciando e como estamos sendo influenciados?

Você sempre cuida de alguém e quase ninguém cuida de você, ou é sempre cuidado e não retribui?

E como abrir mão de uma influencia que não está nos fazendo bem?

Como equilibrar tudo isso?"

Luh Oliveira

sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014

Qual a origem dos seus resultados?

Como uma mineirinha de mão cheia, amo arroz doce... mingau de milho, doce de abóbora e é claro com aquela canela jogada por cima. Mas temos pães, doces, bolos e muitas coisas que colocamos esses ingredientes.
Nos EUA indicam que o uso de canela na quantidade de uma colher de chá diariamente reduz significantemente o açúcar no sangue e melhora a taxa de colesterol. Achei bem válido saber desse benefício.

Esses dias descobri também que 90% da canela é nativa do Sri Lanka, no Sul da Ásia.
Achei bem diferente essa informação pois aprecio a canela há anos e nunca parei para pensar na sua origem!

Quantas coisas na vida apreciamos e não temos noção da origem?
As vezes vemos uma gentileza como algo simples, mas é fruto de uma grande amor não declarado.

Ou problemas que ainda percintem pois não conhecemos a origem para resolvê-los ou simplesmente cortar o mal pela raiz.

É importante considerar o origem nos faz ser gratos e extrair os benefícios de cada situação.

É importante considerar a origem!

Forte abraço

Luh Oliveira

quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014

Que ritmo tem cantando?


[Vale a pena ler agora]
Que ritmo tem cantando?

Já reparou que na hora de cantarmos o parabéns em um aniversário, bem no início é aquele desencontro, palmas desarranjadas e os ritmos bem diferentes?

Mas de repente a emoção do aniversariante se torna o centro das atenções e automaticamente as pessoas vão se reorganizando e fazendo com que a simples canção seja uma hino de boas vibrações para a pessoa que estamos felicitando.

Assim é a vida, mesmo seguindo ritmos diferentes das pessoas que estão ao nosso lado, vai chegar uma hora que se o objetivo for o mesmo, cada um vai se reorganizar, abaixar ou aumentar o tom e assim criar uma condição harmônica de se relacionar e alcançar o alvo!

Em que ritmo tem cantado?




Luh Oliveira

Seis Graus de Separação


[Vale a pena ler]

Seis Graus de Separação

O húngaro Frigeys Karinthy, há oitenta anos atrás escreveu o conto Cadeias, levanta a hipótese que qualquer dois indivíduos no mundo se conectem no máximo através de cinco conhecidos.
Sabe aquela coisa de alguém, que conhece alguém e te conhece?
Eu mesma nessas viagens pelo Brasil, encontro pessoas que conhecem outras que por uma caso são do meu convívio!

Então vemos nisso a importância da boa conduta, do networking e da expansão do fruto das nossas ações!

Não sabemos o rumo do perfume que exalamos e assim desconhecemos a trajetória que pode alcançar nossa influência!



quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

PaSsou e CarIMbou com Dora Alves e Cida Barcelos

No PaSsou e CarIMbou de hoje apresento Dora Alves (minha personal hair)  e Cida Barcelos (atriz), dia 04 de Fevereiro tivemos um encontro super agradável! Falamos sobre como a mulher negra tem ganhado espaço, conquistado autoestima e tem entendido que o único tipo de escravidão é o mal que pensamos de nós mesmas.

Dora Alves faz muito mais do que cuidar dos meus cachos, tem uma linda história com o Projeto Meninas de Dora e já teve destaque na Rede Globo, revista Raça e dezenas de outras mídias como uma das melhores ações sociais do Brasil! 

Cida Barcelos é atriz e inclusive com inclinação para palestras corporativas! É um sucesso! 

E já estamos desenhando nossas parcerias em  palestras!!!!!

Matéria Revista Raça
Matéria G1

Cida Barcelos, Dora Alves e Luh Oliveira



terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

Qual foi a primeira coisa que você viu ao acordar hoje?

Qual foi a primeira coisa que você viu ao acordar hoje?

Procure lembrar o que você sentiu ao acordar... 
Mas a primeira coisa que você viu...
Tum tum ... tutututum seu coração estava acelerado? Você estava com pressa demais e não percebeu?

Ou a cama parecia um colo de mãe e sua vontade era de ficar ali ... simplesmente protegido?

Ou de repente você parecia mais pesado que o normal, tão pesado e talvez frio em relação a vida que tem vivido!

Mas talvez seu coração estava alegre e leve ... uma sensação de estar vivendo a vida que sempre quis.

Você passou tantas horas acompanhado... tanto tempo usufruindo da sua própria companhia... pode dizer que passou a noite com "alguém" e foi bom para você?

Como tem sido ficar tanto tempo consigo mesmo?

Levanta irritado? Sem foco? Cheio de esperança... ou sentiu a alegria de saber que tem feito as escolhas certas?

"Diga-me com quem andas e te direi quem és"...

Eu mudo isso para: "Fique horas consigo mesmo e descobrirá quem és".

Qual foi a primeira coisa que você viu ao acordar hoje?

Luh Oliveira




Mergulhe

Mergulhe

Talvez a sua mente esteja cheia de pensamentos desconectados... 
Idéias voam p lá, preocupações rodopiam p cá... E o que fazer? 

Mergulhe

Talvez tudo que você precise nesse momento é o silêncio!!

Mergulhe

Quando mergulhamos não ouvimos sons da superfície e em poucos segundos temos tantas novas sensações vinda do som do nada...

Mergulhe

Talvez tudo que você precise é ficar um pouco com seu foco e com sua fé!!!

Mergulhe


Luh Oliveira



O amor...

Que possamos cada vez mais falar do amor, falar com amor, viver o amor e ser o próprio amor... Não somente em datas comemorativas ...

Dê um presente para alguém, ligue e diga que está com saudades... Perdoe...AME!!!

Forte Abraço

Luh Oliveira



segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Como você se define? Com Lizzie Velasquez

Esse vídeo é realmente incrível,
Lizzie fala como superou as limitações e vive de forma feliz!




Assista a palestra com Lizzie Velasquez

video

Para assistir no youtube:
Clique aqui: Como você se Define - Lizzie Velasquez

Gratidão Diária

"Sermos gratos pelo que já temos é bem melhor do que frustrados pelo que não temos. 
Com o coração alegre temos força para criarmos uma nova realidade!" Luh Oliveira

Forte abraço



Na hora da tempestade, aonde você se esconde?


Quantas vezes estamos andando tranquilamente pela rua e de repente sentimos uma gotícula mínima no nosso rosto... Na sequencia um sussurro de alguém: Parece que vai chover.
Meio sem querer acreditar prosseguimos o nosso caminho e a gotícula se transforma em pingos médios, fortes e muito fortes! É uma correria e todo mundo começa procurar um lugar para se esconder!
As vezes estamos desprevenidos e corremos para debaixo da marquise e ficamos ali com mais vinte desprevenidos. Molhamos com o que cai do céu, com o que os carros jorram e até com o guarda-chuva velho daquele sujeito q insiste em mante-lo aberto debaixo na marquise. Em outros momentos nós somos o dono daquele guarda-chuva velho...

Assim acontece também na vida, quando apenas uma gotícula vira um grande desafio! Devemos prestar atenção  e andar  com um bom guarda-chuva (aquele que não vai nos deixar na mão).
Mas se a tempestade for muito forte, aonde devemos nos esconder?
Debaixo de qualquer marquise e ficarmos ensopados com a situação? Cuidado para não encarar um guarda-chuva velho nessas horas, ou seja... pessoas com velhas manias, vingativas e cheias de maus hábitos. Dependendo do lugar  aonde escolhemos nos esconder, não é possível ver  o arco-iris após a tempestade.

Quanto a mim, prefiro usar o acolhimento do Pai Celestial e estar acompanhada de pessoas que me amam, são do bem e ficam junto a mim até rimos depois de tudo isso.

Na hora da tempestade, aonde você se esconde?

Forte abraço
Luh Oliveira






Não há choro que dure para sempre!

Aprendi que tudo, tudo passa! Já vivi momentos de dores que achei que não iria suportar e também momentos de comemoração que simplesmente acabaram.
Percebi que o segredo da felicidade não está nos momentos, pois sempre estão alternados em alegrias e lutas.
Descobri que a felicidade está no propósito de vida plantando no meu coração pelo próprio Deus. E esse alinhamento com Vida é o que me faz sentir essa paz!
Essa terra é apenas o começo do que chamo de eternidade e só quero sorrir todos os dias agradecendo por todas as situações e assim simplesmente caminho!

Gratidão a Deus e por todas as vidas de todos que leem essa mensagem!
Forte abraço


Vale o esforço?

Lembro de quando estudava horas para as provas do colégio... a princípio parecia que aquele momento de esforço nunca iria passar... Mas quando venci todas as etapas, uauuuu como foi gratificante, hoje colho os frutos dessas horas de dedicação!


E isso também serve para as outras áreas da vida! Como é gratificante ver o resultado positivo das nossas ações! 

Claro que tem coisas que não vem diretamente do nosso esforço, mas são consequências do esforço de alguém, como o exemplo quando Deus se esforçou para nos conquistar dando seu próprio filho, o esforço de muitos pais para criar os filhos. Mas o fato é que tem sempre alguém fazendo alguma coisa.

Erramos quando deixamos de fazer a nossa parte para conquistar o que queremos...
Erramos quando duvidamos e deixamos de lutar pelos nossos objetivos...
Portanto é momento de lutar e conquistar os desejos mais íntimos dos nossos corações, pois quando olharmos para trás vamos dizer ...valeu a pena o esforço!

Forte abraço

Luh Oliveira


"Você compraria essa "Bela Casa"?


Um casal que estava indo para o interior avistou diversas placas anunciando a venda de uma Bela Casa, chegando no local tiveram uma frustração, pois a placa dizia algo que não era a realidade. Assim acontece quando as pessoas vendem uma imagem, mas na realidade são de outra forma... isso causa tristeza e frustração.
E como resolver isso? Devemos colocar então uma placa: VENDE-SE CASA EM PEDAÇOS? 
Não, devemos na verdade reformar a casa, limpá-la e reconhecermos que durante algum tempo a placa será 'Em reforma para melhor servi-los'." Luh Oliveira

Forte abraço



Amplie a visão

O que aconteceria se amassemos integralmente os diferentes?
Mas não apenas os diferentes em raça, a exemplo dessa bela foto.

Quantas vezes ouvimos a frase: "Meu santo não bateu com o do fulano", " meu anjo da guarda não foi com o dele" e assim desenvolvemos um ódio, raiva de alguém que mal conhecemos.

Dentro das famílias e empresas é comum divergência de ideias e pensamentos e por isso anulamos o sequer ouvir o outro na maioria das situações.

Enquanto quisermos ver a vida penas pela nossa janela teremos uma visão limitada. É preciso procurar/querer entender outro lado.

Perdoar é conseguir a chave da prisão que atormenta o coração. Perdoar é voar sem ter asas, é respirar!!!!!

Uma pitada de muito amor e humildade nos ajuda nisso e é o que temos para hoje.




O que você procura?

"Se procurarmos pelo mal, iremos encontrá-lo.
Se procurarmos pelo bem, iremos encontrá-lo.
Nós sempre temos a escolha entre duas realidades: a positiva e a negativa.
A realidade onde focarmos nossa energia é aquela onde existiremos." Autor desconhecido
 



Qual a primeira imagem que você vê?

Qual a primeira imagem que você vê?

Talvez a primeira imagem que você conseguiu ver, não é a mesma projetada na minha visão.
Para saber mais sobre a obra é importante olhar com cuidado e se tiver oportunidade conversar com o autor para saber como os detalhes foram traçados.

Na vida a mesma circunstância pode ser vista de diversas formas e detalhes que alguns percebem podem ser ignorados por outros. E em caso de dúvidas é importante conversar com Autor da Vida, pois apenas Ele que nos dará todo suporte para vivermos da melhor forma cada momento.

Forte abraço

Tempo de recomeçar

"Suzi era uma mulher que devido ao problema de ouvido passou a ter constantes vertigens. As vezes quando andava, perdia o equilíbrio, sentia uma tontura e logo tinha que se deitar. Isso a tirava da rotina, pois sempre precisava recomeçar de onde tinha parado."
Algumas vezes a vida é assim... estamos vivendo de forma estabilizada e de repente acontecem coisas que nos causam vertigens e nos fazem perder o equilíbrio. Enquanto estivermos vivos vamos estar sujeitos a isso. Por tanto é importante recomeçar sem olhar para traz, confiar Naquele que nos dá força para prosseguir e ir em frente!

Não é tempo de recuar... é tempo de avançar!

Forte abraço a todos!